terça-feira, julho 17, 2018

Tiago Zortea

Tiago Zortea
20 POSTS 0 COMENTÁRIOS
Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal do Espírito Santo, onde atuou como pesquisador-bolsista do Ministério da Educação pelo Programa de Educação Tutorial em Psicologia. Possui mestrado em Psicologia pela mesma instituição na área de Evolução e Etologia Humana (Bolsista CAPES). Possui formação em Terapia Comportamental pelo Instituto de Terapia por Contingências de Reforçamento (ITCR) e atua em consultório particular no trabalho com crianças, adolescentes e adultos. Atualmente é pesquisador de PhD na University of Glasgow (Escócia, Reino Unido), membro do Suicidal Behaviour Research Laboratory, onde pesquisa sobre comportamento suicida e práticas parentais. É membro da British Psychological Society e revisor do periódico Archives of Suicide Research (International Academy of Suicide Research). Trabalha com os seguintes temas/áreas: Suicídio; Comportamento Suicida; Autolesão; Prevenção ao suicídio; Práticas parentais; Psicologia Clínica; Análise do Comportamento; Etologia Humana; Investimento Parental.

SIGA-NOS

101,265FãsCurtir
10,157SeguidoresSeguir
2,072SeguidoresSeguir

MAIS RECENTES

Livro “A parte que falta” como recurso terapêutico na Psicoterapia Comportamental

O presente texto tem o objetivo de explorar possibilidades de intervenções na psicoterapia comportamental utilizando elementos apresentados no livro “A parte que falta”.

Estou fazendo ACT (?)

MAIS LIDAS

Como ajudar alguém que sofre de ideações suicidas?

Photo by Felix Russell | Bristolfrsphoto.co. Available through CC0 License via Unsplash. .   A expressão “precisamos falar sobre suicídio” tem se propagado pelas mídias sociais, contribuindo...