Novidades no ar: Coluna ContACTo

0

Há novidades no ar!

É com imenso prazer que apresentamos a vocês a Coluna ContACTo.

A convite do Portal Comporte-Se, eu, Aline Simões Ilana Landim abasteceremos mensalmente a plataforma com conteúdo sobre a Terapia de Aceitação e Compromisso (ACT) e suas interseções.

Nosso grupo assumiu o desafio de divulgar a ACT de maneira (a) simples, mas não vulgar, (b) conceitualmente rigorosa sem parecer esnobe, e (c) atraente, mas sem recorrer à panfletagem. Queremos tornar essa –  considerada a mais lantejoulada das terapias de terceira geração – acessível e mais próxima das premissas da ciência do comportamento.

Para tanto, nossos colunistas têm expertises variadas e cheios de entusiasmo para buscar a ACT nos mais recônditos contextos e trazê-los ao grande público. Não almejamos formar por meio de nossos breves conteúdos “terapeutas ACT” ou “asseclas da ACT”. Caso consigamos apenas gerar interesse no leitor, de modo a aumentar a probabilidade de que busque mais informações sobre o tema, teremos logrado sucesso na empreitada.

Desde a sua versão seminal (ainda chamada Comprehensive Distancing[1]), estruturada por volta do dos anos 1970-1980, a ACT vem ganhando terreno no Brasil e, especialmente, fora dele. Em agosto de 2016, o modelo já contava com, pelo menos, 136 ensaios clínicos randomizados capazes de   fornecer sustentação empírica necessária para sua validação científica. Ademais, a American Psychological Association, através da força tarefa da Divisão 12 da Society of Clinical Psychology, declarou que a ACT apresenta evidências moderadas a fortes para os seguintes tratamentos: dor crônica, depressão, transtornos de ansiedade, transtorno obsessivo compulsivo (TOC) e psicose.

A Coluna ContACTo pretende explorar aspectos históricos e epistemológicos aplicados à ACT. Nossos autores estão livres para transitar pelas mais variadas searas. A participação dos leitores também é bem-vinda e incentivada. Por meio das nossas redes sociais, é possível estabelecer contato direto com nossos colunistas, seja para divulgar, comentar, criticar e, claro, sugerir temas.

Que seja uma jornada profícua e plenamente vivida por todos.

Vamos fazer ContACTo!

 

Referências

Zettle, R. (2011). The Evolution of a Contextual Approach to Therapy: From Comprehensive Distancing to ACT. The International Journal of Behavioral Consultation and Therapy, 7(1), 78-84.

[1] Ver Zettle (2011)

COMENTE VIA FACEBOOK

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.