Coletivo Marias & Amélias de Mulheres Analistas do Comportamento arrecada absorventes íntimos para doação

0

De acordo com nota publicada pelo Coletivo Marias &  Amélias de Mulheres Analistas do Comportamento, o Brasil possui cerca de 36 mil mulheres presas, quando existem apenas 22.666 (vinte duas mil, seiscentas e sessenta e seis) vagas, gerando assim, uma superlotação de cerca de 13 mil presidiárias. Estas mulheres são tratadas como homens nos presídios, recebendo, geralmente, os mesmos auxílios recebidos por prisioneiros do sexo masculino e vendo ser ignoradas diferenças e necessidades específicas de gênero, como produtos de higiene íntima – por exemplo, o absorvente. Em casos extremos, de acordo com o coletivo, as detentas improvisam usando miolo de pão como absorvente interno quando vem a menstruação.

Mlher detenta

Pensando nisto, o coletivo Marias & Amélias de Mulheres Analistas do Comportamento lançou uma campanha para arrecadar absorventes higiênicos durante o XXIV Encontro Brasileiro de Psicologia e Medicina Comportamental, os quais serão encaminhados às mulheres detentas após o congresso. Para participar, leve sua doação para o Encontro e entregue em um ponto de coleta. Serão aceitas doações de absorventes internos (OB, Tampax, Etc) ou Externos (Modess, Carefree, Sempre Livre, Always, etc) em PACOTES FECHADOS (por questão de higiene). 

0 0 vote
Article Rating
Comporte-se
O Comporte-se: Psicologia e Análise do Comportamento foi criado em 2008 e é hoje o principal portal de Análise do Comportamento do Brasil. Nele você encontra artigos discutindo temas diversos à partir do referencial teórico da abordagem; dicas de filmes, livros, periódicos e outros materiais; entrevistas exclusivas; divulgação de cursos, promoções, eventos e muito mais.
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments