Células humanas aumentam inteligência de camundongos

0

Um grupo de camundongos surpreendeu cientistas ao apresentar desempenho muito acima da média em testes de memória e na habilidade de atravessar labirintos. O motivo da alta performance? Os animais receberam implantes de um tipo de células gliais humanas, os astrócitos, estruturas em formato de estrela que dão suporte aos neurônios – ajudando na nutrição, por exemplo – e que, ultimamente, estão ganhando mais atenção dos neurocientistas, pois parecem ter muitas outras funções além de auxiliar as outras células.

A hipótese testada pelo estudo, publicado no Cell Stem Cell, é de que o tamanho dos astrócitos humanos, 20 vezes maiores do que o dos roedores, contribuiu para o desenvolvimento do nosso intelecto, já que as dimensões dos neurônios são quase iguais entre os mamíferos. Por isso, o astrócito humano entraria em contato com muitos mais neurônios ao mesmo tempo. Segundo os pesquisadores, a velocidade de transmissão de sinais no cérebro dos ratos foi três vezes maior com as células humanas em comparação com as originais, o que contribuiu para a aprendizagem mais rápida em comparação com camundongos normais.

Fonte: Viver Mente 

COMENTE VIA FACEBOOK

DEIXE UM COMENTÁRIO